CLENK

Maicon Clenk

Maicon Clenk é um artista multidisciplinar. Criador e diretor da Clenk Company, desenvolve uma linguagem autoral chamada “Teatro Ilusionista, a qual integra diversas técnicas artísticas, principalmente o teatro físico e o ilusionismo, além da dança, do circo e da música. Está entre os maiores criadores do Brasil com obras exclusivamente autorais e de grande destaque. Esteve à frente de equipes de várias nacionalidades, sempre de alto nível técnico e artístico. Reúne em seus processos criativos a disciplina da ginástica, a precisão da dança, o fantástico do circo, a profundidade do teatro e o surpreendente do ilusionismo. Suas obras já foram assistidas por mais de 15 milhões de expectadores e são marcadas pelo aspecto inovador, poético e detalhista.

 

BIOGRAFIA

Maicon Clenk atua como diretor coreógrafo e possui formação como ator, bailarino, acrobata aéreo, ilusionista e publicitário, com especializações em biopsicologia, teatro físico e dança teatro. Também cria cenários e figurinos.

Encantado pelo circo desde os quatro anos de idade, Clenk dedicou sua vida profissional exclusivamente às artes. Iniciou seus estudos em teatro, marionetes e desenho aos oito anos, e desde então atuou em mais de 30 premiados espetáculos profissionais e diversas companhias brasileiras de teatro, dança e circo. Autoditada em ilusionismo, começou a se apresentar aos 10 anos e, mais tarde, teve grande destaque na mídia televisiva e nos teatros do Brasil, sendo considerado um dos melhores ilusionistas da atualidade. Aos 16 anos já dirigia um grupo teatral próprio com cerca de 150 integrantes. Estudou por mais de 12 anos dança contemporânea e clássica, artes performáticas, circo e clown. Especializou-se em dança teatro e teatro físico com renomados profissionais do Brasil, Nova Iorque, Londres, Paris, Japão, Itália, Espanha e Berlim, entre eles o grupo Pilobolus dos Estados Unidos e a Familie Floz da Alemanha.

Foi diretor artístico do “Beto Carrero World”, o maior parque temático da América Latina, onde criou espetáculos inéditos e áreas performáticas e dirigiu simultaneamente oito grandes shows e o departamento de produções artísticas, responsável por uma equipe de mais de duzentos e cinquenta profissionais.

A versatilidade artística de suas criações esteve nos principais polos culturais do país, com destaque para “O Grande Show de Mágica”, que iniciou o diálogo entre o ilusionismo, a dança e a dramaturgia e fez sucesso em turnês nacionais e ao lado de apresentadores de TV como Eliana e Faustão, bem como em séries especiais. Foi o primeiro espetáculo da mostra oficial “Mish Mash” no famoso “Festival de Curitiba”. Após um ano de ensaios e a construção de um teatro especialmente desenvolvido, com capacidade para quatro mil pessoas, estreou o musical “O Sonho do Cowboy”, criado, escrito, dirigido e coreografado por Maicon Clenk no parque Beto Carrero World, em Santa Catarina. Uma superprodução residente com direção musical e músicas de Tim Rescala e um cenário gigante, com mais de 50 metros. É o musical de maior público e tempo em cartaz do Brasil, somando cerca de 1 milhão de pessoas ao ano. Ainda no Beto Carrero World, criou “Blum – Quando circo e água se misturam”, reunindo elementos do circo contemporâneo. Da parceria com o consagrado iluminador Peter Gasper surgiu o dinner show “Iporã” na cidade de Foz do Iguaçu, um show que traz ao palco o folclore latino-americano e foi assistido por milhares de turistas de todo o mundo. “É tudo Ilusão” apresentou o humor com maior destaque dentro da linguagem da Companhia. O projeto foi sucesso nacional e vencedor do prêmio “circulação nacional” da Fundação Cultural de Curitiba. Com a proposta de expandir as suas obras para espaços ainda mais alternativos estreou em Curitiba o espetáculo “Polaris”, que ocorre dentro de um globo de neve gigante. Fenômeno de público e referência internacional, o projeto é ganhador do prêmio Abrasce e dos recordes “primeiro espetáculo dentro de um globo de neve” e “maior globo de neve do Brasil”. Na sequência estrearam os espetáculos “Flora” e “Torque”. Reunindo profissionais de alto nível com a versatilidade e a linguagem característica de Clenk, estreia o espetáculo “Banquete”, uma espécie de cabaré contemporâneo que incluiu a construção de uma casa de shows altamente equipada em uma das principais ruas de São Paulo. Mais uma obra pioneira onde desta vez o público foi colocado em um ponto de vista inusitado, como sendo parte integrante e interativa do espetáculo.